terça-feira, 26 de março de 2013

Ter um Filho ou Ser Mãe?!


Ter um Filho ou Ser Mãe?! Essa foi uma das frases que certa vez li e um site que fala de adoção. Entrei de cabeça no sentido destas palavras: SIM, eu quero Ser Mãe, ainda que meu filho não seja gerado em meu ventre, ele será nascido do Meu Coração!!!!!!!!!!!!!!
Recentemente comentei aqui sobre a adoção. A seis meses uma prima do meu marido, que já estava a muitos anos lutando contra a infertilidade e estavam na fila da adoção a pelo menos 3 anos, conseguiu “o milagre” e recebeu um casal de irmãos: um menino de 6 anos e uma menina de 4 anos. É indescritível a felicidade que este casal irradia desde a chegada das crianças!

E no mês de fevereiro/2013, outra amiga e colega de trabalho conseguiu a graça de receber um “milagrinho lindo” de 3 anos e oito meses. Fizemos chá para ela e seu milagrinho na escola onde trabalho. Foi especialmente emocionante para mim!!!! Acendeu ainda mais a idéia de adotar!

Eu e meu maridinho lindo estamos amadurecendo a idéia ainda, são muitos detalhes a acertar e temos que ter toda a paciência e sabedoria, pois a responsabilidade é imensa. Mais do que nunca estamos orando e pedindo que Deus em sua infinita bondade nos ilumine e providencie nosso milagre!!! No entanto sabemos que este é um processo demorado, e não vamos deixar de fazer tratamento e investigar o “porquê” de tanta dificuldade para gerar. E quem sabe com a esperança da adoção a ansiedade diminui e nosso milagre vem naturalmente! Não vou deixar de sonhar com meu barrigão, jamais!

Não poderia deixar de expressar neste post a minha felicidade em ter como seguidora Nº 10 a Paulinha, do Blog Cheiro de Leite. Ela foi a pessoa em quem me inspirei para a criação do meu bloguinho, depois de meses lendo e me emocionando com a história dessa Guerreira que eu admiro demais! Obrigada querida,  e obrigada a todas as minhas amigas que me seguem e torcem por mim!

Bjinho

6 comentários:

priscila lopes disse...

Jú, te dou todo o apoio na adoção, eu e meu marido já estamos planejando para ano que vem nós adotarmos tbm, uma boa sorte pra vc querida! E a Paulinha tbmé muito especial pra mim, se não fosse ela eu não teira meu blog hoje adoro ela demaisss.

Beijos da Pri.

Gracielle Batista disse...

Oi Ju...nossa que bom que vc e seu marido estão pensando nesta possibilidade...filhos são de coração mesmo!!!E acho legal vc falar que tambem não vai desistir de engravidar, que maravilha...fico muito feliz por vc!!!Bjs

Val disse...

Ju, muito feliz com tua visitinha e já estou te seguindo.
Eu acho o gesto de adotar algo sublime pena ser tão moroso para as crianças e pais envolvidos no processo.
Poderia ser mais simples, claro que tem que haver cuidados mas penso existir um exagero e hoje vemos que os abrigos só aumentam a capacidade de criança e tantos pais dispostos a acolher passam 03 anos ou mais na fila.

Que seus sonhos se realizem!

um beijo

Paula e Emerson disse...

Oi lindaaa@!!! realmente esse desejo de ser mamãe de coração tbm ascendeu aqui no meu!!! uma delicia, e mesmo sendo mamãe biológico (pois sei q vou conseguir) tbm quero adotar!! da um lar a alguém que tanto deseja uma família! claro tudo tem que ser bem pensado, bem analisado e tal!!
olha fiquei surpresa com essas ultimas linhas do seu post!!! que lindo. kibom saber que te inspirei esse é meu mais forte desejo, poder estar ajudando quem está passando por iisso! nem que seja com algumas palavras de apoiooo!!! linda obrigado vc por sua companhia tão especial!! forte abraço e conte comigooooo!!!!
bjus bjus bjussss

Suzy disse...

Ju eu sou super a favor de adoção, nunca conversamos aqui sobre isso, mas se eu ñ puder gerar tenho isso em mente.
Aliás já até pensei em ter um e adotar outro, acho um gesto de amor divino!!

Beijos

Manoel Carvalho disse...

Ola, que tal uma musica personalizada com o nome do Bebê?

acesse nosso site :

www.studiopersonalmusic.com

visite as seçõees: Recem Nascido, homenagens,batizado,aniversario e ouça as amostras.

será um prazer produzirmos a musica que vai marcar para sempre a mamae e o Bebê

gratos:

Manoel e Lane.